terça-feira, 6 de março de 2018

Umas Notas

E vou tentar ser o mais breve possível.

Sobre Paulo Gonçalves... É mais ou menos isto:
O que retenho disto tudo é o seguinte: Mais um funcionário do clube cujas cores desportivas podem ter o branco mas certamente não têm o vermelho; Vem de contextos laborais em nada abonatórios.

Este é o comunicado da PGR:
Lendo com atenção, são 5 crimes investigados dos quais 2, os primeiros, estarão relacionados com o funcionário do clube.

As supostas contra partidas oferecidas pelo funcionário do Benfica aos prevaricadores eram: Convites VIP para assistir a jogos do Benfica quer na Catedral quer fora, oferta de merchandising do clube e um posto de trabalho no Museu Cosme Damião.

A resposta do Benfica em comunicado:
... Provar a legalidade dos seus procedimentos? Isso, trocado por miúdos, quer dizer o quê exactamente? Gostava mesmo de saber, porque à primeira vista significa que ele fez algo... Algo que está indiciado por crimes de corrupção passiva e activa!

Por outro lado, PG não é inocente nem culpado de nada mas ainda assim, é mais uma nódoa na roupagem do actual presidente do Benfica... E há nódoas que saem e outras... Como fica o Benfica com esta, para já, poeira toda? Mas... Para já, não se esqueçam de duas coisas: Isto está fora do âmbito desportivo. O Benfica pode estar também fora disto, veremos mas...

Ainda gostava de saber se isto tudo vai demorar o tempo normal que demora ou, por ser o Benfica, as coisas vão voar mais rápido do que a águia Vitória.

Tenho quase 100% de certeza de que isto não vai afectar todos os grupos de trabalho das modalidades do clube. Mas gostava mesmo de ter os 100%. Nada como aguardar.

Neste momento, antes de começar a avalancha de opiniões de conhecidos, eu também gostava de saber o que Luís Nazaré (LN) e Luís Filipe Vieira (LFV) pensam disto tudo.
LN preside ao órgão que garante a legalidade no seio do clube:

Artigo 49º -  Atribuições
A Assembleia Geral é o órgão em que reside o poder supremo do Clube, sede de debate e votação dos interesses gerais do SPORT LISBOA E BENFICA com os limites legais e estatutários.

LFV é o presidente do Benfica:

Artigo 59º -  Atribuições
A Direcção é o órgão de governo do SPORT LISBOA E BENFICA, tendo por primordial função promover e desenvolver em geral as actividades associativas, praticar actos de gestão e administração, representação e disposição, adequados à realização dos fins do Clube.

Gostava de saber o que pensam... Eu gostava de tanta coisa!
É que grande parte dos adeptos do Benfica já deve estar assim:
Enquanto os aluados assim estão:
Já o... Esse está a
Para isto tudo e vai a 5 pontos...

Mais não digo porque não quero ser arma de arremesso. Mais não digo excepto:

Que se investigue tudo até ao fim. Sem medo!
Há fumo que vem do fogo e fumo que vem da cabeça...

E Pluribus UNUM!


Em actualização:

19 comentários:

  1. Em casa nossa não deveriam andar gentes ligadas ao FCP e muito menos com ligações antigas suspeitas... mas enfim, quem sou eu para falar.

    ResponderEliminar
  2. O Benfica anda a ser minado por dentro.

    Está cheio de toupeiras.

    Vamos ver a biografia dos 2 intervenientes e são 2 adeptos dos corruptos.

    Com ligações à famiglia.

    Esta direcção tem o tempo contado.

    Tem de haver uma limpeza a sério no BENFICA.

    O Benfica não pode estar constantemente associado a práticas deste tipo!!

    Saudações

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Compreendo a estratégia de recrutamento neste contexto. Mas LFV deveria saber que era uma faca de dois gumes.

      Como tudo na vida, há que aguardar por mais esclarecimentos. Até lá não é nem inocente nem culpado. No entanto... Bem, há que aguardar.

      Eliminar
  3. Entao tudo o que a cs diz e escreve...tudo aquilo que a pj e mp afirmam e verdade???
    O que tu e mais "alguns" pretendem muitos de nos sabemos...
    A "treta" da conversa dos superiores interesses do SLB e conversa antiga e cheira a MOFO

    O comunicado do SLB nao te diz nada?? Ou so ouves o que te interessa.
    VIVA O SPORT LISBOA E BENFICA!!!

    A Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD esclarece que é falsa a informação veiculada por alguns órgãos de comunicação social de que Fernando Rocha, sobrinho de um funcionário judicial, teria sido contratado pelo Sport Lisboa e Benfica e trabalharia no Museu Benfica Cosme Damião.

    Essa informação carece de qualquer fundamento sério porque invoca o nome de alguém que não pertence, nem nunca pertenceu, aos quadros profissionais de qualquer estrutura do Sport Lisboa e Benfica e Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD.

    Quanto a nós conviria apurar a responsabilidade pela divulgação desta gravíssima falsidade.

    Lisboa, 6 de março de 2018

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sabes Rosario Negrao, não estou sempre online.

      A resposta do Benfica foi publicada às 16h20.... Este artigo foi publicado às 15:37. Isto diz-te alguma coisa?

      Convém-me respeitar a minha educação e investigar. Depois emito a minha opinião.

      Mas tens razão numa coisa há que apurar tudo e ir até ao fim e não ficar por acordos...

      Eliminar
  4. De onde retiraste o perfil do Paulo Gonçalves?

    ResponderEliminar
  5. Eu já disse noutro blog mas o comunicado do Benfica devia-se dispor a lutar pela verdade e não apoiar este ou aquele individuo e exigir o castigo se fosse culpado ou a limpeza do nome se fosse inocente.

    Assim compromete-se toda a SAD se ele não for inocente. Se não ponho as mãos no fogo por ninguém de lá, também não gosto que ponham o clube nessa situação.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo. É algo tranversal que muita gente parece não entender.

      Se eu estaciono o carro 1 milímetro no espaço do lugar do vizinho, ele chateia-me o juízo mas se for... Enfim, alguém mais mediático, parece não haver problema.

      Eliminar
    2. O Benfica anda a ser minado pela PJ e pelo MP isso sim uma vergonha um nojo é uma trafulhice pois o segredo de justiça e todos os dia vilipendiado pela sábado pelo cm pela SIC e alguns jornaleiros de serviço ou só agora é a o segredo de justiça e crime grave vão ler e ver a entrevista do último exercício PGR e depois sim falem

      Eliminar
    3. São quase 40 anos a "frutar"...

      Eliminar
  6. E não te faz espécie a Judite montar acampamento na luz a três meses e as denúncias do Benfica e as anónimas não dão em nada vamos fazer queixa a onde vamos andar aos tiros isso sim só assim termina está bandalheira da PJ do MP e da casa e de muitas éguas zurrantes q só Bla Bla Bla ações nepia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esse é o artigo de hoje... Primeiro, arrumar a nossa casa!

      Eliminar
  7. As pessoas sao profissionais trabalham por um salário, que eu saiba nunca fui condenado, aguardemos SERENAMENTE.
    UNIÃO cabeça fria, a verdade virá e depois diremos condenemos os de lá, ou os de cá. rumo au penta.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O tempo que a verdade demora a vir à tona é muito maior do que o tempo que um cagalhão (tudo o que a santa aliança faz).

      Eliminar
  8. O Benfica é tratado pela «justiça» (desportiva e civil) de modo diverso do zbode e dos frutas. Quando se trata do Glorioso não perdem tempo, é à bruta, e até as denúncias anónimas são consideradas. Os outros fazem o que querem e não se passa nada. Até nas multas aplicadas pela Liga se vê a dualidade de tratamentos.
    Os dois clubes inimigos do Benfica devem ter muita gente na «justiça» portuguesa. E controlam tudo o que diz respeito ao futebol. Só pode.
    Não nos queiram (os inimigos, sejam eles dirigentes desportivos ou os senhores «justiceiros» e defensores da «verdade desportiva» deles) é comer por parvos, que não comem!
    Há, claramente uma perseguição ao Benfica, e tudo serve para tentarem condicionar os resultados desportivos do Glorioso. Talvez se foscanhem!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sem dúvida. O artigo de hoje a isso se vai referir.

      Eliminar
  9. Sou de opinião do André Ventura, estou convencido da inocência do Paulo Gonçalves. Estou mesmo!!!
    Tão convencido como estive no caso Centeno e de LFV na tramóia criada pela CS sobre as alegadas escutas (que não existiram) e sobre a alegada dívida do seu filho ao Estado (que nunca existiu).

    Este caso não tem nada a ver com o desporto, é um caso de justiça civil.

    Não me interessa nada as simpatias clubísticas de PG, mais importante é a competência das pessoas e um jurista não tem nada de ser benfiquista para ser competente.

    Se PG cometeu algum erro, esse facto não tem nada a ver com as suas simpatias clubísticas, mas sim com a vontade de defender a sua entidade hierárquica. No entanto, isso não o desculpa no caso de ter cometido algum crime.

    Os benfiquista só têm de ter calma, porque há já 6 processos que foram lançados na CS sobre o Benfica acusando-o de crimes que nunca existiram nem cometeu. Acusando pessoas que não têm nada a ver com o Benfica, como se isso implicasse o clube.

    Um benfiquista não emprenha pelos ouvidos e defende o clube. Sempre!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não estou prenho pelos ouvidos. A história do PG já eu a conheço. O que se passou ontem já eu sabia - Garanto-te que o timing era mesmo este: Pós porto-sporting independentemente do resultado.

      O meu novo artigo vai ao encontro do teu último parágrafo.

      Eliminar

Ok digam o que bem entenderem.
Depois eu vejo