quinta-feira, 1 de março de 2018

Ano Zero - A Farmácia Franco.

É difícil provar que o Benfica seria o que hoje é sem a existência da Farmácia Franco... Da dita farmácia, de quem a geria e de quem lá trabalhava!

Nota: A construção deste artigo, só foi possível devido ao trabalho absolutamente formidável dos Benfiquistas RedVC e... De Alberto Miguéns ofcourse! Este artigo é uma apropriação (editada) dos seus trabalhos. Ao RedVC (e ao Fórum Ser Benfiquista) e a Alberto Miguéns, uma humilde vénia 👏👌🙏.

"Existe ali um descampado que deve dar para aquele desporto novo que inventaram em Inglaterra. Era de valor fazemos uma equipa só de portugueses... Para as redes temos que falar com os pescadores da pesca da Corvina da Trafaria, o mais difícil de conseguir deve ser a bola, as traseiras da farmácia podem fazer de balneário... Amanhã falamos melhor".

Quem geria a Farmácia Franco? A família Franco ao longo de 3 gerações.
Quem lá trabalha por alturas de 1904? Manuel Gourlade e Daniel Santos Brito, dois dos 24 Fundadores do nosso Clube.

Tudo conjugado de certa forma para que o clube... Tivesse asas para iniciar o seu voo!

Na manhã de 28 de Fevereiro de 1904, realizou-se um treino nuns terrenos baldios entre as linhas de caminhos de ferro da CP e a Quinta de Praia do Duque de Loulé (de onde os rapazes acabariam por ser expulsos!!!):
A esse treino, compareceram 10 dos 24 fundadores:
Depois, já com a presença dos restantes 14, procedeu-se à reunião que iria criar o nosso clube, cuja acta está para sempre imortalizada:
O resto? Muito trabalho, muito sacrifício, união inquebrantável e amor a um lema "E Pluribus UNUM!

Algumas imagens da farmácia:
Interessante... A branco, a última localização da farmácia e a vermelho a primeira:
A convocatória para os jogos era feita no papel timbrado da farmácia:
Na altura da formação do grupo, os treinos eram realizados no pátio da farmácia. Delicioso este pormaior:

"O pátio situado nas traseiras da Farmácia tinha o seu valor histórico. Ali tinham funcionado as mercearias da rainha Dª. Catarina fundadas em Maio de 1619 a favor de vinte cavaleiros de África. O conde do Restelo encarava os prejuízos causados pelo jogo com bonomia, limitando-se a mandar colocar grades nas janelas." E: "Quando se estava na maior influência e os vidros se partiam, aparecia o velhote Mendes, administrador da Farmácia, que muito apitado, punha termo ao jogo, sem apito. O Manuel Gourlade, que era empregado na Farmácia, dedicou-se a este jogo e principiou com os Rosa Rodrigues e eu a organizar um grupo, pois os jogadores iam aumentando de número e o espaço do pátio da farmácia não tinha condições para ter tão elevado número. Principiamos pois a jogar, primeiro na Rua Vieira Portuense depois na Praia do Restelo onde hoje é a Praça do Império, na retaguarda da Quinta da Praia (Loulé) e ainda à beira do rio, no terreno entre as duas docas."

As ditas grades:
Por coisas que parecem detalhes mas não o são, assim aconteceu o Benfica... Teria sido fácil correr com os miúdos e acabar com tudo o que seria um rude golpe! Os irmãos Inácio José e Pedro Augusto deverão ser recordados como beneméritos na centenária história do Benfica.

Não sei se ainda estão à venda nas lojas do do Benfica, mas a verdade é que o clube, em tom de homenagem a quem de direito, comercializou estas peças:
E fez bem.

Hoje em dia, a farmácia foi engolida por um elefante branco:
Mas a memória está salvaguardada mesmo ao fim de 114 anos.

Junto à Catedral...
Uma bela homenagem.
Para quando as garras da altiva águia a elevarem a divisa e não o pneu caro presidente LFV? Ou os estatutos são para...
Confesso que quanto mais conheço da história do Benfica, mais força sinto para o apoiar e defender. É uma energia que gostava de explicar mas não é fácil pelo que apenas vos digo, e volto a repetir, quanto mais conheço a história do Benfica mais...

Parabéns Benfica.
E Pluribus UNUM!

5 comentários:

  1. Cosme Damião não consta da lista de fundadores. Mas foi ele que escreveu a acta? estou certo?
    As minhas desculpas pela ignorância.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro F.L.,

      Parece que foi por esquecimento segundo reza a história. De qualquer modo, após perícia entre diversas actas e textos manuscritos extra Benfica feitos pelo próprio , está provado que foi Cosme Damião a escrever a acta pelo que...

      Eliminar
  2. Excelente trabalho! Parabéns aos autores!

    VIVA O GLORIOSO SPORT LISBOA E BENFICA!!!

    J.C.

    ResponderEliminar
  3. Simplesmente Fascinante.
    Por muito que os outros tentem, O Glorioso é um clube de todo o povo português.
    Parabéns

    ResponderEliminar
  4. Espectáculo, muito bom.
    Agradecimentos ao autor do artigo.
    SLB4EVER

    ResponderEliminar

Ok digam o que bem entenderem.
Depois eu vejo