quarta-feira, 28 de março de 2012

E agora?

Caros, como desconfiava aconteceu.

Quiseram ganhar mas não deu para tanto pois tinham uma raposa matreira como opositor.

O Chelsea não é melhor equipa que o Benfica. Podem falar de experiência que eu até aceito. Mas ser melhor nem por isso, aliás ontem viu-se que não o são.

JJ apresentou a equipa que se esperava no estado em que se esperava: O tal onze base já em avançado estado de decadência física. Não fosse a categoria de Javi e Witsel, que mesmo cansados são capazes de usar as suas cabeças inteligentes para ocupar espaços, guardar a bola e por aí, teríamos tido um dissabor bem mais profundo.

Se há jogadores que estão a cumprir com níveis de intrega inexcedíveis, esses são Artur, Maxi, Luísão, Javi, Witsel e Aimar. Estes são jogadores que exemplificam a tão propalada mística do clube. Consigo ver escarrapachado nas caras deles o esforço, a vontade, o querer, a raça... enfim, e por aí. São eles que actualmente seguram a equipa, não tenham dúvidas.

Há mais um jogador que por acaso está a exibir-se a um nível muito bom: Jardel. Confesso que torci o nariz com ele, que afirmei que Miguel Vitor seria melhor opção. No entanto Jardel tem sido um jogador competente, falhando somente na concretização e em pouquíssimos momentos do jogo. Ontem falhou em dois, o 1º deu golo e o 2º a bola foi ao poste, mas não o crucifico pois não estava alidar com jankus, lebres ou finkeis.

Há também Bruno César que tem sido importante mas que não é aproveitado na plenitude. JJ sistematicamente retira-o aos 65-75 minutos de jogo. Depois é ver a cara dele. BC não é um ala, não vai a linha para cruzar, tem vindo a aprender a compensar mas é um jogador repentista com bom poder de fogo. Ontem teve azar no momento de primir o gatilho por duas vezes.

Gaitan... guarda-se para estes jogos. Ontem viu-se bem que ele quer estes jogos. Na passada 6ª feira andou totalmente a leste do paraíso; raramente tomava iniciativa, raramente ía para cima do adversário. Mas numa coisa é consistente: continua a falhar passes em zonas de risco.

Cardozo. Ponta de lança sem ponta de sorte no jogo de ontem. Podemos sempre dizer que no momento de armar um remate, das duas uma: ou se remata sem preparação, ou se domina, prepara e se arma o dito remate. O momento em que a chuteira toca na bola é crucial pois: 
  • Cada objecto tem a sua forma
  • Cada objecto vem de uma direção oposta
  • Cada objecto vem com uma força e energias diferentes
Cardozo teve esses dois tipos de remate no jogo de ontem. Em nenhum desses momentos as sorte do momento de impacto esteve com ele: No 1º exemplo porque David Luís deu o corpo ao manifesto (na 2ª parte); no 2º exemplo porque os rins e a cobertura de Terry não o deixaram fazer melhor (1ª parte).

Matic é para mim um injustiçado, ele é evoluido. Ele tem capacidade para pegar de estaca na equipa. Como há mais dois jogadores com essa capacidade, o Benfica devia dar-se por contente com essa situação. No entanto JJ prefere esmifrar os outros dois e deixar Matic a enfeitar o Banco. Mas Matic é culto e nota-se que quer é jogar. Quando entra cumpre e se tivesse mais pernas...

Nolito tem uns problemas que são a dupla Gaitan - Bruno Cesar, não ir à linha para cruzar, não ter apoio do lateral, flectir em demasiado para o centro (o que o torna previsível). Assim vai Nolito.

Rodrigo não estava com problemas, mas aquela flôr que joga no zenit e a ascenção de Nélson Oliveira vieram secar a chama que vinha a ostentar. São coisas que acontecem.

Falta o Emerson: Não queria estar no lugar dele. Ele sabe que os sócios já não o podem ver, mas ontem esses sócios começaram por ao apoiar e incentivar - grande clube que tem este tipo de sócios pois o seu amor é o clube. Mas Emerson sistematicamente falhou. Emerson não tem as condições necessárias para jogar nos proximos tempos. JJ tem duas opções: Capdevila e Martins.

Afinal falta JJ. Quem acompanha este espaço, já se deve ter apercebido que sou inflexível com JJ. Ele não é um grande treinador, certamente não é o mestre da táctica. Sem a imparcialidade dos árbitros isso torna-se tremendamente visível:
  1. Tínhamos empatado em Guimarães
  2. Tínhamos ganho em Coimbra
  3. Provavelmente tínhamos ganho na Luz aos frutas
  4. Tínhamos ganho em olhão.
Ou seja, a qualidade formidável da equipa de há dois anos escondeu as debilidades de JJ, disso não tenham dúvidas. Sei que não há melhor em Portugal, nem aquela amostra de treinador que recentemente foi despedido do nosso opositor de ontem. JJ mexeu na equipa com duas subs de assentada e a equipa perdeu o jogo.
Colocava o Matic (em vez do Aimar) de modo a que ele entrasse no ritmo do jogo. Ficávamos com o meio campo mais musculado, obrigando o Chelsea a recuar uns metros.
Depois poderia refrescar as alas com Nolito, em caso de sofrer o golo na mesma, avançava com Rodrigo, Nélson, Saviola... Sim Saviola, ele que é conhecido por sacar coelhos da cartola.

Por fim JJ não deve tentar enganar-nos nem a si mesmo defendendo Emerson da maneira que o fez ontem nas entrevistas. Emerson não dá mais.

Uma palavra para David Luis e Ramires. Grandes até no momento de falarem no final do jogo.

Perdemos o jogo porque o Chelsea foi meticulosamente incisivo na condução de um lance de ataque, e porque o Benfica não teve... chamem-lhe sorte ou engenho para finalizar uma das 3 ou 4 situações de golo que criou antes do lance do golo.
É a vida e é esmagador.

Temos hipóteses? Na teoria temos. Na prática não porque JJ vai esmifrar mais os mesmos jogadores que consequetemente, não terão a frescura física e mental para utilizar todas as suas capacidades no máximo da sua potência.

Quanto ao árbitro, bem... estamos mal habituados ao pobre e corrupto nível dos àrbitros portugueses. No entanto é claro que não são assinalados pontapés da marca da grande penalidade contra adversários do Benfica. Ontem isso mais uma vez aconteceu, o que serve para dar impunidade aos corruptos dos àrbitros portugueses que se irão sentir ilibados dos erros que cometem de propósito contra o nosso clube.

É a vida e é esmagador.

Mas sou do Benfica, de tantos benfiquistas sou só mais um. É a vida e é esmagador
Et Pluribus Onum

PS. Não não me esqueci. É mais um corte feito à medida dos clientes do eixo norte. Aimar suspenso por dois jogos: Braga e Sporting. Força nisso, nem isso nos para.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Ok digam o que bem entenderem.
Depois eu vejo